[RESENHA LITERÁRIA] Para Sempre Ana - Sergio Carmach

1 comentário(s)
Nome: Para Sempre Ana
Editora: Caravansarai
Páginas: 336 
Ano: 2011
Preço: R$ 39,90 


 

Opinião Inicial  

Quando me deparei com a capa desse livro e com as poucas palavras nela dita, tive certeza de que queria muito conferir a história do livro, afinal, o mistério já começa pela capa propriamente dita.


Visão Geral  
Para Sempre Ana é uma mistura quase perfeita entre uma narrativa misteriosa e um enredo semelhante a de uma novela repleta de reviravoltas, suspense e partes de tirar o fôlego. É um pouco difícil descrever o livro, pois qualquer detalhe contado, pode se tornar um grande “spolier” fazendo assim futuros leitores descobrirem os segredos da história antes do tempo. 

A maior parte da trama acontece na cidade de Três Luzes, cidade onde os mitos sobre seres de outro planeta são constantes desde a origem da cidade, e gira em sua maior parte em torno da personagem Ana, que é a maior responsável por todas as reviravoltas, surpresas e cenas de suma importância para a história. No início, Ana está grávida e acusa Carlos, membro da família Rigotti, como pai da criança, daí se desenrolam fatos e relatos capazes de prender até a última página. 

No início a leitura do livro me foi totalmente complicada, as primeiras páginas não despertaram o meu interesse, de modo que lia e ficava esperando loucamente que as coisas mudassem. E mudou. A partir de um dado momento, a leitura fluiu perfeitamente e me envolvi completamente na história, que muda a perspectiva a cada minuto. 

A organização dos capítulos é em grande maioria por datas. Em vários momentos se conta mais de uma vez determinada 

situação, porém, com uma visão diferente. Isso acaba dando um toque de Dejavú em meio a história do livro. 

Como conheci e Adquiri  
Conheci o livro por meio do site do autor, acabei formando uma parceria com ele e essa resenha é o fruto dela.

Direto das Páginas
Enquanto lia as últimas páginas, fiquei encantado com um poema, veja a baixo um trechinho dele: 
"Eu tive sorte. Minha mente não vive nessa ilusão torturante. Sou livre,
pois aprendi a distinguir o paraíso fantasioso do paraíso real.
É certo não deixar nossos sonhos se converterem em ilusões, mas também não
devemos abandoná-los ao sabor da maré."

Pitaco Final
Sergio Carmach é um dos novos autores brasileiros que sem dúvida alguma merece todo o prestígio possível, Para Sempre Ana é uma obra simplesmente viciante, um dos muitos títulos nacionais que devem ser lidos, sem dúvida alguma.


1 comentários:

paula juliana espindola da silva disse...

Seguindo e Curtido!
Retribui?

http://overdoselite.blogspot.com.br/2013/11/resenha-liberta-me-trilogia-estilhaca.html

https://www.facebook.com/overdoselite
Bjus

Postar um comentário

Manuseador da pena

Juan Silva, 16 anos, Carioca e Sagitariano. 3º ano e estudante do curso técnico de química. Não vivo sem bons livros, séries e filmes. De vez em quando, um café gelado sempre é bem vindo. {mais?}

Seguidores

No Facebook

Últimas Resenhas

Promoções

#Tagalerando

Editoras Parceiras

Arquivo

 

Layout desenvolvido exclusivamente por Tharcila Lima para o Asas Literárias. Veja o portfólio.