Livros, à Primeira Vista #19

1 comentário(s)
Até bem pouco tempo, Eragon nada mais era do que um pobre garoto da fazenda, e seu dragão, Saphira, apenas uma pedra azul na floresta. Em Herança, o destino de toda uma civilização está sobre seus ombros. Fortalecidos por longos treinamentos e incontáveis batalhas, Eragon e Saphira somam muitas vitórias, mas também colecionam as dores de perdas muito difíceis. Agora, a derradeira batalha está para começar. O Cavaleiro e seu dragão chegaram mais longe do que qualquer um ousou imaginar. Mas será que eles serão capazes de derrubar o poderoso tirano Galbatorix e restaurar a justiça no reino da Alagaësia? E se conseguirem, qual será o custo da vitória?


Impressões: Já faz um longo tempo que tenho uma vontade enorme de ler a saga Eragon, e depois de ver o filme essa vontade só se intensificou. Na trama tem aventura, um mundo fantástico, amizades verdadeiras e uma pitada certa de romance. Só falta ler para ficar melhor. 

Helen Hamilton passou a vida inteira tentando disfarçar o fato de que é uma garota diferente, mas agora, aos dezesseis anos, isso está cada vez mais difícil. Não apenas por causa de sua força sobre-humana ou porque às vezes, sem motivo aparente, pessoas estranhas simplesmente a atacam, mas também porque ela teme que seu juízo esteja seriamente comprometido. Pesadelos recorrentes com uma estranha viagem pelo deserto e a visão de três mulheres derramando lágrimas de sangue a tem atormentado noite e dia. Ao mesmo tempo, um impulso inexplicável, incontrolável, passa a dominar seus pensamentos: Helen quer matar Lucas, um dos rapazes da glamorosa e misteriosa família Delos. À medida que descobre mais sobre sua verdadeira origem, ela percebe que a relação dos dois está submetida não só à sua vontade, mas a forças e tradições ancestrais.

Impressões: Como fã de fantasia fico extremamente feliz quando vejo uma que fuja um pouco do padrão das que a maioria tem tido. Qual padrão? Simples. Menina boba, garoto misterioso, outro garoto, triângulo e um deles é uma criatura. Predestinados parece ter aspectos bem diferentes e tudo para fazer sucesso.  

1 comentários:

Caíque Fortunato disse...

Oi Juan, ainda não conhecia esses livros, mais uma vez :p Mas achei eles bacana, não deu vontade de ler, minha primeira impressão foi normal, mas se você for ler, vou querer ler sua resenha.

Abraços
http://entrepaginasdelivros.blogspot.com/

Postar um comentário

Manuseador da pena

Juan Silva, 16 anos, Carioca e Sagitariano. 3º ano e estudante do curso técnico de química. Não vivo sem bons livros, séries e filmes. De vez em quando, um café gelado sempre é bem vindo. {mais?}

Seguidores

No Facebook

Últimas Resenhas

Promoções

#Tagalerando

Editoras Parceiras

Arquivo

 

Layout desenvolvido exclusivamente por Tharcila Lima para o Asas Literárias. Veja o portfólio.