Resenha: O Mistério do Círculo - Leandro Luzone

4 comentário(s)
Título: O Mistério do Círculo
Título Original: -
Autor: Leandro Luzone
ISBN: 978-85-7679-372-4
Páginas: 432
Ano: 2010
Editora: Novo Século
Preço Sugerido: 29,90  



Em Londres, no século XXI, um padre e uma sacerdotisa de uma antiga ordem mística, conhecida como Círculo, envolvem-se em um inusitado caso de amor e tentam ajudar a Scotland Yard a descobrir a identidade do assassino, chamado pela imprensa britânica de O Inquisidor de Londres. Todas as suspeitas apontam a participação da Congregação para a Doutrina da Fé – um órgão da Igreja que substituiu a Inquisição – nos assassinatos das sacerdotisas com instrumentos de tortura e execução.










Assim que me deparei com a capa desse livro pensei que se tratava de uma fantasia. Após ler a sinopse, vi que na verdade, se tratava de um mistério policial, onde envolvia além da adrenalina característica do gênero, toques de conflitos entre religião e ciência. Por esse fato, eu já sabia que iria adorar esse livro.

Ayna Fulke, personagem principal da história, é uma cientista especializada no manejo das células tronco. A cientista acompanha de perto o processo de evolução dessas células tão benéficas e polêmicas. Certo dia, o padre Gianluca Bonera procura a cientista para se informar sobre o processo de células tronco. O que parecia ser o início de um conflito mostrou-se ser uma situação comovente, já que o padre a buscou tais informações para ajudar sua mãe que sofria do mal de alzheimer. A partir dessa conversa, ambos acabam se tornando amigos. 

Em um certo dia, um assassino, que viria a se denominar O Inquisidor de Londres, assassinou brutalmente com o auxílio de equipamentos medievais uma sacerdotisa de um antigo círculo de origem celta. Esse foi só o primeiro de um ciclo de assassinato praticados pela mesma pessoa. A cada dia de cerimônia desse grupo uma sacerdotisa é morta. As coisas pioram quando Anya revela que ela também é uma sacerdotisa. Em meio as investigações, ela e Bonera acabam se tornando um dos suspeitos dos assassinatos.

A relação entre mortes e igreja, somados ao arsenal de conhecimento enigmático desse livro torna a leitura irresistível e compulsiva. Os capítulos são relativamente curtos, o que acaba atiçando ainda mais o leitor a ler rapidamente. Várias vezes enquanto lia, comparava essa obra com romances como O Código da Vinci, o suspense, mistério e o ritmo eletrizante de ambos são muito parecidos.  

A única coisa que não me agradou muito na história foi o final. Não que tenha sido ruim, porque não foi. Porém, eu esperava mais. Acho que o livro poderia ter uma conclusão maior, o livro não é pequeno, mas o mistério me cativou tanto que adoraria que houvesse mais páginas.






- Para mim a vida é fantástica e a nossa mente é uma das coisas mais fantásticas do universo - disse Anya, inspirada. - Nós podemos ir a qualquer lugar e realizar o que quisermos, pois temos o poder de criar sonhos. Todos os ciclos têm um início, um meio e um fim. E cada início é a parte mais difícil de qualquer aprendizado, mas, aos poucos, conseguimos superar os obstáculos.  - ela suspirou. - As coisas que menos gostamos são as que mais podem nos ensinar. Se você se opõe ao problema, você acumula energia no próprio problema. Mas, se aceitá-lo, com certeza uma solução se manifestará. Esse é o caminho da vida. É o princípio do universo. - Pag. 214







O Mistério do Círculo é mais uma prova do quão grande é o espaço positivo que os autores nacionais veem ocupado. O autor Leandro Luzone conseguiu sem dúvida escrever um dos melhores livros de mistério que podem ser lidos. Se você é fã de mistérios, leia. Se não é, leia, e você irá virar fã também.

4 comentários:

Nine Stecanella disse...

Olá Juan!

Já adicionei o livro na minha estante no Skoob. Gostei da sinopse e como você, logo imaginei se tratar de fantasia. Sua resenha destacou pontos importantes, que chamarão ainda mais minha atenção para o livro. Espero ter a oportunidade de ler.


Um beijo!
@nine_stecanella
http://janinestecanella.blogspot.com.br/

Elis Culceag disse...

Oi Juan!

Não conhecia esse livro, pela capa eu também pensei que era um livro de fantasia, ou um sobrenatural.
Gosto do ritmo dos capítulos curtos nos livros, e pelo visto esse suspense é muito bom!
Bjs...Elis Culceag.
www.arquivopassional.com

Anna Carolina Schermak Alves disse...

Olá Querido! (também sou uma Querida Harlequin)
Conheci seu blog lá no Grupo e Já estou seguindo. Aqui é muito legal ;D
Olha concordo com vc sobre o espaço positivo que os autores nacionais estão tomando na literatura brasileira. isso é demais.

www.pausaparaumcafe.com.br

Lauri Brandão disse...

Realmente os autores brasileiros estão ganhando mais espaço no mundo da literatura. Tem alguns livros que qro ler, por incrivél que pareça rs.
Adorei o blog, to seguindo. Segue o meu tb?
manuscritodecabeceira.blogspot.com
Bjs.

Postar um comentário

Manuseador da pena

Juan Silva, 16 anos, Carioca e Sagitariano. 3º ano e estudante do curso técnico de química. Não vivo sem bons livros, séries e filmes. De vez em quando, um café gelado sempre é bem vindo. {mais?}

Seguidores

No Facebook

Últimas Resenhas

Promoções

#Tagalerando

Editoras Parceiras

Arquivo

 

Layout desenvolvido exclusivamente por Tharcila Lima para o Asas Literárias. Veja o portfólio.